Palavra Pastoral – OPORTUNIDADES DE TESTEMUNHO CRISTÃO

Ontem compartilhei aqui a oportunidade especial que estamos tendo nestes dias de repensarmos o nosso estilo de vida e aprofundarmos o relacionamento com Deus. A “melhoria” pessoal não acontece automaticamente ao vivenciarmos uma situação adversa. Requer de cada um de nós decisão de refletir, orar, repensar e mudar.

Este tempo de buscar maior intimidade com Deus deve resultar também em reflexão sobre como temos testemunhado a nossa fé.

Um casal querido convidou seus clientes, a maioria deles empresários e profissionais autônomos, para uma reunião online semanal, onde compartilham a Palavra de Deus e oram juntos.

No domingo passado a síndica de um condomínio contratou um cantor e um saxofonistra para homenagear as mães no final da tarde. Uma irmã de nossa igreja que mora no prédio, imediatamente ligou para ela e se ofereceu para cantar e orar pelas mães. Proposta aceita ela, usando a estrutura de som que estava preparada, leu o texto bíblico da “Mulher Virtuosa”, cantou “Grandioso és Tu” e “Porque Ele Vive” e depois orou. O feedback que recebeu dos seus vizinhos foi maravilhoso.

Estes exemplos mostram que as possibilidades de testemunho cristão são variadas. Por exemplo:

•             Compartilhar os links dos cultos com seus amigos para que eles tenham a oportunidade de ouvirem uma mensagem da Palavra de Deus.

•             Escrever e/ou encaminhar mensagens de fé e esperança, fundamentadas na Bíblia, com seus amigos através do WhatsApp.

•             Ajudar financeiramente uma pessoa que esteja precisando de apoio nesta área.

•             Contribuir para a compra de cestas básicas, máscaras e outros produtos que serão distribuídos para famílias necessitadas através de uma igreja ou instituição social.

•             Demonstrar amor por famílias de pessoas que estão com parentes enfermos, ligando para eles, orando com eles pedindo a intervenção divina.

•             Compartilhar com parentes e amigos a sua história com Cristo, o que Ele fez e continua fazendo por você e em você.

Dentro de casa testemunhamos de nossa fé quando dedicamos tempo a oração pessoal ou em família, quando amorosamente convidamos todos para orarmos juntos e principalmente ao cooperarmos alegremente realizando o que nos cabe fazer na nova rotina doméstica.

O testemunho de fé pode e deve ser transmitido por meio de palavras. Porém, antes mesmo delas, através de ações, de atitudes novas, de manifestações de amor, de demonstrações de confiança em Deus.

 Viver em harmonia familiar nestes dias para muitos é um verdadeiro teste de fé. Nosso testemunho cristão se fortalece na medida em que crescemos espiritualmente e buscamos melhorar a qualidade de nossos relacionamentos em casa.

 Ao testemunharmos nossa fé é importante não tentarmos passar uma imagem que não corresponde à realidade. Não somos perfeitos, nossas famílias não são perfeitas, nem sempre temos fé como gostaríamos de ter, nem sempre agimos com calma e sabedoria. Testemunho cristão eficaz não requer perfeição, e sim autenticidade.

Nestes dias de convivência familiar mais intensa, com certeza teremos, em algum momento, que perdoar e também pedir perdão…. Testemunhar em casa requer humildade para reconhecer os nossos erros e fraquezas.

Estes dias tão diferentes possibilitam novas e singulares oportunidades de testemunho cristão. Espero aproveitá-las e, firmado no solo da autenticidade, revelar o quanto Jesus é essencial para mim com palavras e ações. Ações amorosas que começam nas relações com os que estão perto mim fisicamente e que transbordam para os mais necessitados. Que meu testemunho verbal sobre o amor de Deus seja acompanhado de mudanças em minha vida. Que outros me vejam como alguém que está procurando seguir o Mestre Jesus. Esta é minha oração.

Marcos Vieira Monteiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *